Faltas por motivo de falecimento de parentes e afins


    Artigo 251.º - Faltas por motivo de falecimento de cônjuge, parente ou afim

    1 - O trabalhador pode faltar justificadamente:
    a) Até cinco dias consecutivos, por falecimento de cônjuge não separado de pessoas e bens ou de parente ou afim no 1.º grau na linha recta;
    b) Até dois dias consecutivos, por falecimento de outro parente ou afim na linha recta ou no 2.º grau da linha colateral.

    2 - Aplica-se o disposto na alínea a) do número anterior em caso de falecimento de pessoa que viva em união de facto ou economia comum com o trabalhador, nos termos previstos em legislação específica.

    3 - Constitui contra-ordenação grave a violação do disposto neste artigo.

    Faltas por motivo de falecimento de parentes e afins


     
     

    Morada: Rua Professor Lima Basto, 105-C e D 
    Coordenadas GPS ( 38.73’96’’ N. -9.16’37’’ W. )
    1070-212 Lisboa
    Contacto: 217 271 830  / 217 270 108  Tlm: 917 343 748 
    FAX: 217 263 068   
    Email: geral@afunerariadepalhava.pt

    “Em caso de litígio o consumidor pode recorrer a uma Entidade de Resolução Alternativa de Litígios de consumo: CACCL – Centro de Arbitragem de Conflitos de Consumo de Lisboa - Rua dos Douradores, 116 – 2º - 1100-207 Lisboa | Tel: 218 807 030 centroarbitragemlisboa.pt Mais informações em: consumidor.pt Declaração de privacidade Temos livro de reclamações eletrónico livroreclamacoes.pt email: reclamacoes@afunerariadepalhava.pt